Operação Inverno deve prevenir ocorrência de mais transtornos para a população de Paulista/PE

Última atualização:

O inverno tem início, no hemisfério sul, no final deste mês de junho, dia 21. A mudança de estação na cidade de Paulista/PE, bem como em toda a Região Metropolitana do Recife (RMR), é marcada pela ocorrência de fortes precipitações, sendo considerado o período mais chuvoso do ano. Nesta época, os problemas de infraestrutura e saneamento básico da cidade são responsáveis por causar transtornos ainda mais acentuados para a população.

Ruas e avenidas alagadas, aumento do nível dos canais e deslizamento de barreiras são apenas alguns dos efeitos causados pela chuva e pela falta de planejamento e ações prévias na estruturação da cidade. Problemas de mobilidade; casas alagadas; bens materiais destruídos; e em casos extremos, vidas perdidas; por causa das enchentes.

Foi o caso da tragédia, que vitimou duas crianças no bairro da Mirueira, em 2019. Após fortes chuvas terem atingido a região durante a noite, uma árvore caiu provocando o deslizamento de terra que atingiu a fiação de um poste abaixo da barreira. A casa da família foi alcançada pelo poste, onde parte de uma parede chegou a acertar o menino e a menina, que não sobreviveram. Os pais ainda conseguiram se salvar.

Preocupado, o presidente da Câmara dos Vereadores Fábio Barros, teme pela segurança da população de Paulista/PE, que já enfrenta uma grave crise sanitária provocada pela pandemia da Covid-19. “Precisamos de uma Operação Inverno robusta, com ações constantes e eficazes, visando garantir a proteção e a mobilidade das pessoas durante esse período. Vivemos uma crise nova, que não pode ser intensificada por problemas antigos, que já deveriam ter sido resolvidos”, disse.

As medidas preventivas e emergenciais aos problemas provocados pelas chuvas devem mobilizar diversas secretarias e órgãos da gestão municipal. Além do acompanhamento de barreiras e dos imóveis localizados nesses lugares de risco, com o objetivo de evitar acidentes, estão incluídas nas ações também a limpeza de canais e galerias; manutenção de vias públicas e controle do tráfego de automóveis; construção de muros de arrimo, galerias e canaletas.