Formação do PDT orienta pré-candidatas para as eleições municipais de 2020

Última atualização:

As mulheres do Partido Democrático Trabalhista (PDT) de Paulista/PE participaram de formação política nesta sexta-feira (14) com a vice-presidente nacional do PDT e presidente nacional da Ação da Mulher Trabalhista (AMT) Miguelina Vecchio. O evento reuniu lideranças femininas do Partido da Região Metropolitana do Recife (RMR) e representantes nacionais durante todo o dia no Recife.

As eleições municipais que se aproximam foi o tema central das discussões no encontro. A importância da participação das mulheres na disputa eleitoral foi reiterada junto a orientações e informações sobre o próprio processo eleitoral. As pré-candidatas a vereadoras do PDT de Paulista/PE aproveitaram a oportunidade para tirar dúvidas e trocar experiências com outras mulheres.

A presidente da AMT Paulista e pré-candidata a vereadora do município Aline Cabral falou da importância das discussões. “Em oportunidades como essa nós podemos instrumentalizar a liderança e a atuação política das mulheres em diversos temas da sociedade. A participação política institucional é uma questão de maior diversidade e representatividade feminina no poder”, disse.

A participação da vice-presidente nacional Miguelina Vecchio trouxe o peso de uma bagagem política consolidada para o debate sobre as eleições em que muitas mulheres disputam pela primeira vez. A representante nacional tem um amplo histórico de ativismo na política, em defesa dos direitos das mulheres e no estímulo à participação feminina nos diversos setores políticos e sociais.

Participação feminina na política

Infelizmente, a trajetória de Guilhermina ainda é uma exceção já que a presença das mulheres na esfera política brasileira ainda é limitada. Na última eleição municipal em 2016, apenas 31,89% das candidaturas eram femininas, bem próxima à cota mínima de participação de 30%. O número real se mostrou depois ainda mais inferior, já que, de acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) muitas mulheres nem sabiam que eram candidatas, 14.417 candidatas não receberam nenhum voto nessa disputa eleitoral.

O PDT de Paulista tem dado importantes passos para mudar essa realidade. A participação feminina na chapa participativa do Partido na eleição municipal de 2020 é maioria. São 14 mulheres, dentro de um quantitativo de 9 pré-candidatos. O diretório municipal ainda é um dos poucos no Brasil que tem a maioria da Diretoria Executiva formada por mulheres. Dos 11 membros, seis são mulheres.

O caminho para mudança de paradigma da participação política já está sendo trilhado em Paulista/PE.

Nós mulheres fazemos parte de uma parcela da sociedade que passou e passa por diversas discriminaçõe, sentimos até hoje o reflexo da injustiça. Esse prejuízo só pode ser amenizado a partir do momento em que permitimos elevar a nossa voz. Precisamos de mulheres no poder para que finalmente nossas necessidades e interesses sejam levados a sério, finalizou Aline.