Emenda parlamentar do PDT garante 400 mil reais para o hospital de campanha de Paulista/PE

Última atualização:

A emenda parlamentar que seria destinada para implantação de um modal cicloviário na cidade de Paulista/PE, agora vai somar forças às ações de combate ao coronavírus no município. A verba no valor de R$ 400 mil foi obtida por iniciativa do pré-candidato a prefeito de Paulista/PE, Fábio Barros, junto ao deputado federal Túlio Gadelha (PDT). A mudança na destinação, no entanto, atende às necessidades do novo hospital de campanha da cidade.

Os recursos da emenda participativa de bancada foram entregues pelo gabinete do deputado ao fundo nacional da saúde, que, por sua vez, repassou ao fundo municipal. O valor tem a finalidade de custear as ações dos leitos de retaguarda do hospital de campanha de Paulista/PE, prioritariamente na compra de respiradores. O novo equipamento da cidade vai atender exclusivamente pacientes suspeitos ou contaminados pela Covid-19, com prioridade para os moradores do município.

A decisão da nova aplicação foi tomada em conjunto entre os dois representantes a partir da crescente no número de casos e óbitos por conta da Covid-19, registrados no município e pela falta de leitos já observada nas unidades de saúde. “Dados os acontecimentos, a maior prioridade é a vida das pessoas. A mobilidade urbana continua sendo uma problemática de extrema importância, mas não podemos fechar os olhos para a pandemia que está em curso. É o nosso dever contribuir para as medidas que estão sendo tomadas agora e assegurar que a população seja protegida e assistida pelo poder público”, disse Fábio Barros.

Antes da pandemia atingir a cidade, Fábio e Túlio anunciaram a destinação da emenda para o modal cicloviário, que pode contar – como seria o caso – com ciclovia e ciclofaixa, e que contou com a participação dos moradores na escolha do trecho para a implantação. No dia 20 de março a votação foi encerrada e os moradores decidiram pelo projeto “Ciclo Jardim Paulista”, que interligaria os bairros de Jardim Paulista Baixo, Jardim Paulista Alto, Mirueira, Aurora, Maranguape I, Alameda, Jaguarana e Maranguape II, ao Terminal Integrado Pelópidas Silveira. A proposta foi elaborada com base no Plano Diretor Cicloviário da Região Metropolitana do Recife.