Prefeitura de Paulista/PE interrompe divulgação de boletins do coronavírus

Última atualização:

Nesta quarta-feira (05), Pernambuco ultrapassou a marca de 100 mil casos confirmados da Covid-19. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, são 100.321 confirmações. O estado tem ainda 77.142 pessoas recuperadas e chegou a 6.758 óbitos pela doença.

Em Paulista, desde o dia 18 de julho, quando foi divulgado o boletim referente ao dia 17, a gestão municipal não tem mais informado a população a respeito da situação da pandemia na cidade. O site da prefeitura não apresenta dados atualizados, assim como as redes sociais oficiais.

Para o pré-candidato a prefeito da cidade de Paulista/PE e presidente da Câmara dos Vereadores, Fábio Barros, a falta de divulgação pode ter forte impacto para a contenção da doença no município. “As pessoas ficam no escuro, sem saber como está a situação e aos poucos vai se criando uma sensação de falsa normalidade, de que está tudo bem e as medidas vão se afrouxando”, disse.

De acordo com o último boletim epidemiológico, publicado há 20 dias, a cidade tinha 2.963 casos confirmados e 235 óbitos causados pela Covid-19. Mesmo antes da interrupção, a divulgação não era feita de maneira sistemática. A prefeitura modificou a periodicidade da comunicação várias vezes ao longo da pandemia, por vezes de forma diária, outras semanal ou sem constância aparente.

Ao longo do mês de junho, Paulista/PE registrou 614 novos casos e 44 mortes. Os cálculos foram feitos a partir da comparação do primeiro balanço do mês de julho ao primeiro de junho. Na época, a divulgação era feita semanalmente pela prefeitura nos canais oficiais.

Além da interrupção dos balanços, a gestão também não tem divulgado as medidas empregadas nos últimos tempos para o combate e prevenção ao coronavírus no município. A apresentação de informações educativas sobre as principais recomendações dos órgãos de saúde locais e internacionais no enfrentamento também é de responsabilidade do governo.

“A comunicação oficial do governo já foi apontada por especialistas como de extrema importância para o sucesso de contenção ao vírus. Uma população informada é uma população mais consciente da realidade, munida das ferramentas corretas para colaborar com as principais medidas de prevenção, como o isolamento social e o uso das máscaras”, explicou Fábio.